Com o que você trabalha? Qual seu emprego? Essa pergunta pode dizer muito sobre você e sobre o momento histórico no qual você vive.

O trabalho ou a ocupação surgiram desde a pré-história, quando o ser humano passou a construir e usar ferramentas e mais tardiamente quando passou a praticar a agricultura. No trabalho é necessário usar suas aptidões físicas e mentais para realizar uma tarefa, seja para construir algo ou para gerar uma idéia, um conceito.

Hoje em dia trabalho é atrelado à busca pela realização pessoal; muito se diz que é necessário encontrar um trabalho que “lhe faça feliz”, assim, “não precisará trabalhar nem um dia”. De acordo com historiadores, ver trabalho como algo que traz prazer é algo mais recente na história humana.


A origem da palavra trabalho viria do latim tripalium, que era um instrumento de tortura romano; dessa palavra teriam surgido os termos trabalho em português e trabajo em espanhol.

Por muito tempo na história da humanidade trabalhar significava castigo (como visto na Bíblia) ou perda da liberdade e era restrito aos escravos, em troca de praticamente nada, como acontecia na Roma antiga.

Na idade medieval quem trabalhava em troca de moradia e proteção eram os camponeses, nesta época o trabalho era visto como uma servidão.

Para os gregos, o tempo livre servia para estudar e se tornar intelectual, todo trabalho manual era desprezado. Por muitos anos, o trabalho era visto apenas como uma tarefa árdua, aos nobres e religiosos restava o tempo livre.

Então, apenas depois do surgimento do Renascimento (século XVI), com mudanças filosóficas e econômicas surgindo, o trabalho deixa de ser uma tarefa de indignos e passa a ser uma tarefa nobre, para o enriquecimento. Assim, o ócio passa a ser visto como algo condenável e o trabalho como enobrecedor e, mais recentemente, como relacionado à classe social e status.

Hoje em dia, o emprego de uma pessoa pode dizer muito sobre quem é ela e qual o momento em que vive. Por exemplo, se você diz que é professor, subentende-se que seja muito paciente e humano; se você diz que é artesão, que tenha muitas habilidades manuais; se é programador, que gosta de lógica. O trabalho tem a ver com a aptidão física e mental das pessoas, na maioria dos casos.

Na próxima semana vamos entender como ao longo dos anos os tipos de trabalho existentes se relacionam ao contexto histórico vivido pela sociedade.

Até a próxima!

Por Nathália de Moraes

nathalia.esalq.bio@gmail.com

 

Referências

Acessadas em abril de 2019
[1] https://en.wikipedia.org/wiki/Job
[2] https://vestibular.uol.com.br/resumo-das-disciplinas/atualidades/trabalho-o-conceito-e-a-relacao-com-o-tempo-livre-ao-longo-da-historia.htm
[3] http://www.ufrgs.br/e-psico/subjetivacao/trabalho/etim_trab.htm
[4] http://www.revistas.usp.br/rfdusp/article/viewFile/67461/70071

One Reply to “Como surgiu o trabalho?”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.